My EKG, O Site do Eletrocardiograma Logo

Escala Romhilt-Estes

Hipertrofia Ventricular Esquerda


A escala Romhilt-Estes foi um dos primeiros esforços para aumentar a capacidade do Eletrocardiograma de detectar a hipertrofia ventricular esquerda (HVE). Esta escala foi desenvolvida antes de qualquer técnica da imagem 1.

A escala Romhilt-Estes atribui pontos pela presença de seis achados do ECG. Com 5 ou mais pontos é considerada positiva para hipertrofia ventricular esquerda, se só atinge 4 pontos é considerada provável HVE.

A escala do sistema de pontos demonstrou possuir uma maior especificidade no diagnóstico da hipertrofia ventricular esquerda que os métodos anteriores, mas apresenta uma baixa sensibilidade, em torno do 60% nas séries originais, similar aos outros critérios eletrocardiográficos de HVE, como o índice de Sokolow-Lyon ou os critérios de Cornell 2.

Escala Romhilt-Estes

Pontos

Critérios de voltagem: (qualquer um deles)

R ou S em derivações periféricas ≥ 20 mm

Onda S em V1 ou V2 ≥ 30 mm

3

Onda R em V5 ou V6 ≥30 mm

Alterações do ST e a onda T

Vetor ST-T oposto ao complexo QRS sem uso de digital

3

Vetor ST-T oposto ao complexo QRS com digitálicos

1

Vetor ST-T normal

0

Alterações da onda P

Negatividade final da onda P em V1 ≥1 mV de profundidade, ou ≥40 mseg de duração

3

Outras

Desvio do eixo do QRS para esquerda (-30º ou mais)

2

Deflexão intrinsecóide em V5 ou V6 >0,05 seg

1

Duração do complexo QRS ≥0,09 seg

1

Clique em "Calcular"

  • Escala de pontuação de Romhilt-Estes

  • Pontuação de 3 ou menor: se exclui hipertrofia ventricular.
  • Pontuação de 4: provável hipertrofia ventricular esquerda.
  • Pontuação de 5 ou maior: diagnóstico de hipertrofia ventricular 2.

Referências

Si te ha gustado... Compártelo.